Publicado por Natália Petrin
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Apesar de ser cultivada em regiões do mundo todo, a alcachofra é uma planta nativa da Europa. Cultivada no Brasil principalmente no Paraná, Rio Grande do Sul e São Paulo, a planta pode ser consumida de diversas formas, inclusive como um chá. Mas quais são os benefícios dessa planta?

Alcachofra para quem deseja emagrecer

Foto: Reprodução

Benefícios e propriedades da alcachofra

A planta possui muitos nutrientes como vitaminas A, B, C e os minerais cobre, enxofre, cálcio, iodo, fósforo, ferro, zinco, sódio, potássio e manganês. A planta, quando inserida na alimentação na forma de salada, por exemplo, ou como infusão, pode ajudar no tratamento de doenças do fígado, na diminuição do colesterol ruim – também conhecido como LDL – e, além disso, age como um laxante natural leve que não irrita a mucosa dos intestinos, além de atuar como um tônico digestivo. Seu consumo é eficaz ainda no combate as gorduras do organismo, na redução da taxa de açúcar no sangue e é auxiliar no controle do diabetes, da hipertensão e da anemia.

O consumo de alcachofra e o emagrecimento

Além dos benefícios citados acima, a alcachofra é, ainda, uma excelente aliada de quem busca o emagrecimento. Isso por ser rica em benefícios que são responsáveis por estimular a produção da bile – que é o fluído produzido pelo fígado que ajuda na digestão das gorduras. Com isso, há uma eficiente e ágil digestão das gorduras evitando a absorção, além da diminuição do mau colesterol e dos triglicérides. Por ser diurética, a alcachofra age ainda eliminando a retenção de líquidos e na eliminação de toxinas. Além de deixar o corpo mais saudável, é auxiliar, mediante à uma dieta equilibrada, no emagrecimento.

O emagrecimento pode ser proporcionado, além do consumo do chá, pelo consumo das cápsulas. Quando compradas, devem ser consumidas duas ao dia. O emagrecimento também é alcançado consumindo 1 litro de chá ao dia, desde que associado à uma dieta. Seus benefícios também são encontrados no consumo da alcachofra cozida, mas essa em maiores quantidades.

Como preparar o chá?

Se você se interessou pelos benefícios do chá de alcachofra, aprenda a prepará-lo:

Você vai precisar de uma colher de sopa das folhas de alcachofra fatiadas, uma xícara de chá de água e mel para adoçar. Coloque a água para ferver e, quando alcançar o ponto de fervura, adicione as folhas. Deixe no fogo por mais um período aproximado de cinco minutos e desligue em seguida. Abafe a bebida e deixe descansar por dez minutos. Coe e consuma em seguida. A dose indicada é entre duas a três xícaras de chá por dia, que devem ser consumidas, de preferência, antes das principais refeições.

Contraindicações

Apesar de seus inúmeros benefícios, o chá de alcachofra deve ser evitado por gestantes e mulheres em fase de lactação. Além disso, pacientes com problemas vesiculares e hepáticos, e aqueles que possuem obstruções no ducto biliar ou ainda que são propensos ao desenvolvimento de alergias também devem evitar o medicamento natural.

Veja mais!