Publicado por Débora Silva
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

A alfarroba, de nome científico Ceratonia siliqua L., é uma vagem comestível, semelhante ao feijão, também popularmente conhecida como alfarrobeira, algarrobo, algarobia e goma-de-mesquite. Nativa da costa do Mediterrâneo, de cor marrom-escura e de sabor adocicado, esta planta medicinal possui uma polpa que pode ser torrada e moída, transformando-se em um pó que costuma ser utilizado pela indústria alimentícia como substituta do cacau.  Embora seja utilizado desta forma, o pó obtido a partir da polpa da vagem torrada e moída apresenta considerável diferença em relação ao cacau, no que se refere às quantidades de gordura e de açúcar. A alfarroba possui 0,7% de gordura e um elevado teor (cerca de 38 a 45%) de açúcares naturais, como sacarose, frutose e glicose; enquanto o cacau contém até 23% de gordura e 5% de açúcar. A alfarroba pode ser encontrada à venda em lojas de produtos naturais, alguns mercados e farmácias de manipulação. A seguir, saiba mais a respeito das propriedades e benefícios da alfarroba.

Alfarroba - Benefícios e propriedades

Foto: Reprodução

Propriedades da alfarroba

A alfarroba é uma planta medicinal que contém diversos compostos fenólicos antioxidantes, tais como ácido gálico, quercetina, flavonoides, miricetina, taninos, dentre outros. Dentre as suas propriedades nutricionais, encontramos a vitamina A, as vitaminas do complexo B e minerais como o cálcio, ferro, magnésio e potássio. Além disso, esta planta é rica em fibras solúveis e insolúveis (de 4 a 6 %). Devido aos seus componentes, a alfarroba possui ação laxante, adstringente, saciante, reguladora de glicemia e afrodisíaca.

Os benefícios da alfarroba

Devido às suas propriedades, a alfarroba também é chamada de “chocolate saudável”, sendo utilizada em vários processos industriais, com destaque para a farmacêutica, alimentícia e cosmética. As vitaminas do complexo B, presentes na planta, colaboram para o bom funcionamento do sistema nervoso, músculos, coração e atividades mentais; para o crescimento dos ossos e dentes; boa saúde da visão e vitalidade da pele. A alfarroba também ajuda a reduzir o LDL (“colesterol ruim”) e os triglicerídeos. Outro de seus benefícios é auxiliar na inibição da proliferação e da viabilidade de células cancerígenas. Por causa de suas propriedades, esta planta é indicada para auxiliar no tratamento de obstipação, hiperglicemia, diabetes, vômito, diarreia e hipoglicemia.

Veja mais!