Publicado por Katharyne Bezerra
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Muitos brasileiros e brasileiras possuem jornada dupla, pois trabalham fora e ainda precisam cuidar da casa. Outros, inclusive, além destas duas atividades, ainda estudam ou fazem trabalho voluntário.

Em suma, um dia com 24h torna-se curto para tanta ocupação. Assim, com todas estas obrigações, prazos e metas para serem cumpridos, as necessidades básicas da vida passam a não ser levadas em consideração, como no caso das refeições.

Os três principais momentos para alimentar o corpo devem ser sagrados, principalmente o café da manhã que é a primeira refeição do dia e é a responsável por aumentar a energia do organismo. Porém, com a correria do dia a dia e todas as rotinas agitadas que as pessoas são submetidas, a qualidade da alimentação caiu e a hora dedicada a fazer os pratos foi reduzida.

Azia e má digestão podem ser causadas por rotinas agitadas

Foto: depositphotos

Levando em consideração esta perspectiva, um estudo foi realizado no Brasil para identificar as consequências deste novo estilo de vida. Descobriu-se então que, enquanto o tempo de refeição diminui, há também o aumento no índice de azia e má digestão nas pessoas. Esta balança desigual promove queimação, dor abdominal e pode até provocar vômitos nos pacientes.

Pesquisa relacionando azia e má digestão com rotinas agitadas

Os brasileiros apresentam azia e má digestão na média de cinco vezes por mês, de acordo com a pesquisa nacional feita pelo instituto Ipsos Brasil. Este número alarmante é decorrente de dois fatores relacionados as rotinas agitadas que atrapalham a alimentação das pessoas de duas maneiras, são elas: a qualidade das refeições e o tempo destinado para fazê-las.

Por passarem pouco tempo em casa ou por terem pouco tempo na hora do almoço, as pessoas costumam fazer refeições ricas em sal e gorduras. Também por estas razões, come com mais agilidade, sem mastigar direito e passam longos períodos sem comer entre uma refeição e outra. Todos estes hábitos resultam em sintomas desagradáveis, como a acidez e a queimação, bem comuns na azia e má digestão.

Dicas para se livrar da má digestão e azia

  • Realize as refeições nos horários corretos e nunca deixe de fazer nenhuma delas;
  • Esteja sempre se alimentando em um período entre cada refeição;
  • Evite tomas café e bebidas carbonatadas;
  • Mastigue bem os alimentos e passe o tempo que for necessário para fazer a refeição;
  • Procure um médico se os sintomas persistirem por dias seguidos.

Veja mais!