Publicado por Wanessa Galvão
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Que a melancia possui pouquíssimas calorias por fatia todos já sabem. Mas quais são as outras vantagens de consumir essa fruta tão querida? Presente em dietas de desintoxicação, a melancia é uma das frutas mais democráticas existentes e tem seu consumo indicado no combate a diversos males, do reumatismo até a impotência sexual.

A fruta

Benefícios e propriedades da melancia

Foto: Reprodução

A melancia é composta  por 90% de água, por isso possui poucas calorias – cerca de 30 calorias em 100 g de fruta – e é uma das poucas frutas que estão sempre liberadas em dietas e tem seu consumo incentivado durante a reeducação alimentar. A fruta possui uma variedade grande de vitaminas principalmente as do complexo B e as vitaminas A e C. Sais minerais como cálcio e fósforo também marcam presença, além de poderosos antioxidantes como o betacaroteno, o licopeno e a glutationa, que além de evitar o envelhecimento precoce das células combatem alguns tipos de câncer.

Propriedades e benefícios para saúde

Por ser formada basicamente por água, a melancia se apresenta como levemente diurética e é indicada principalmente para pessoas que possuem problemas renais ou nas vias urinárias, cistite e doenças no estômago e intestinos.

Quem sofre com reumatismo e artrite também é beneficiado com o consumo da fruta, que ajuda o coração a trabalhar melhor e é boa até para a visão.

Pressão arterial e bronquite são outras doenças que são aliviadas com o consumo regular de melancia.

A fruta é anticancerígena e atua contra o câncer de mama, próstata e pulmão, além de conter, principalmente na parte branca, cirulina, um aminoácido que se transforma em argina quando ingerido. E com isso melhora a circulação e aumenta a libido, combatendo a impotência sexual de maneira eficaz.

Os fluidos corporais (saliva, suor, secreção vaginal e sêmen) também ficam mais perfumados com o consumo da melancia, graças a grande quantidade de água e açúcares naturais que ela possui.

Como consumir a melancia?

Você pode acrescentar melancia em saladas de frutas, porque o indicado é ingerir melancia in natura. Mas os sucos feitos com a fruta, se não tiverem adição de açúcar ou adoçante, mantém todos os benefícios citados acima. Uma boa dica é três vezes por semana substituir o café da manhã ou jantar por um grande pedaço da fruta.

E o melhor é que as outras partes da melancia também podem ser aproveitadas: as sementes secas quando trituradas servem para aliviar dores e baixar a pressão arterial e quando usadas para fazer chá servem como vasodilatador; a casca quando triturada vira uma pasta ótima usada no combate da erisipela.

Veja mais!