Publicado por André Luiz Melo
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Planta com a capacidade de atingir até 40 metros de altura, a copaíba é utilizada para fins medicinais desde a chegada dos portugueses no Brasil, quando suas propriedades foram testadas, à época, ainda em animais.

Este vegetal é comum de ser encontrado também em regiões brasileiras como as dos estados de Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, Pará, São Paulo, Minas Gerais e Paraná, além ainda das áreas mais úmidas do Nordeste. A copaíba é também uma planta predominante em regiões estrangeiras como Antilhas, Colômbia, México, Guianas, Venezuela e África Tropical.

Além de suas propriedades medicinais para humanos, a copaíba também serve de alimento para algumas espécies de animais, uma vez que suas sementes servem de alimento para pássaros e outros animais.

Benefícios e propriedades do óleo de copaíba

Foto: Reprodução/ Baixaki

Dotada de folhas densas, frondosas e com madeira cuja coloração é avermelhada, a copaíba possui um óleo bastante poderoso e responsável por proporcionar ao vegetal inúmeras propriedades medicinais. Conheça os benefícios desse óleo a seguir:

Óleo de copaíba e seus benefícios e propriedades

  • Antiedematoso, antitumoral, anticancerígeno, tripanossomicida, bactericida, estimulante de apetite, antisséptico, anti-inflamatório, antibiótico natural, antimicótico, depurativo, desintoxicante e cicatrizante;
  • Eficaz para combater gases;
  • Auxilia na eliminação de secreções das vias respiratórias;
  • Estimulante do sistema urinário;
  • Atua como laxante;
  • Age como calmante em mucosas inflamadas na pele e promove a sensação de maciez contra o ressecamento dos tecidos;
  • Atua como tônico estimulante;
  • É também fixador de perfume;
  • Combate infecções e inflamações
  • Trata com bastante eficácia situações que envolvem: furúnculos, seborreias e irritações no couro cabeludo, feridas, eczemas, psoríase e urticária.
  • Atua tratando complicações respiratórias como: tosse, gripe, resfriados, bronquite e inflamações na garganta.
  • Combate diarreias.
  • Ajuda no tratamento da incontinência urinária, de infecções urinárias e de cistites.
  • Trata à leucorreia.
  • Age ainda como depurativo do sangue e substância desintoxicante.

Utilização do óleo

A forma mais comum de utilização do óleo de copaíba é por meio de ingestão e/ou aplicação externa. Superdosagens dessa substância podem provocar diarreias, vômitos, náuseas e cólica. Mulheres gestantes, em período de lactação e pessoas com transtornos gástricos não devem fazer uso desse óleo.

Veja mais!