Publicado por Redação

Uma das regras da vida é: tudo que é demais se torna perigoso. Será que com a fitoterapia também é assim? O chá mate, por exemplo, faz mal? As propriedades benéficas do mate já são amplamente conhecidas.

A bebida é considerada emagrecedora, diurética, estimulante, atua na redução do colesterol, na prevenção do envelhecimento precoce e auxilia o bom funcionamento do coração. Além disso, o mate ajuda no controle da diabetes e reduz o apetite.

Contraindicações do chá mate

Apesar de muito saudável, o chá mate também possui algumas contraindicações. As pessoas que têm gastrites ou úlceras não podem tomar a bebida. Isso porque ela irrita a mucosa do estômago, agravando dessa forma o quadro de saúde do paciente.

Outro grupo que não pode consumir o chá de mate é o dos hipertensos. Principalmente, se a pessoa ficar uso de remédios sintéticos. As pessoas que são hiperativas também devem consumir com moderação, pois ele tende a deixar o indivíduo ainda mais agitado, pois o mate é um estimulante poderoso.

Se você sofre de insônia também não é uma boa ideia tomar o chá antes de dormir pelas mesmas razões das pessoas hiperativas.

Dessa forma, é importante ficar claro que antes de consumir o chá mate é fundamental a opinião do seu médico, principalmente se você já tem problemas de saúde pré-existentes.

E lembre-se não é só o chá que é contraindicado nessas situações citadas acima, mas o mate está presente em algumas bebidas, como refrigerantes, chimarrão e tererê.

Chá mate faz mal a depender da quantidade e do organismo de quem vai consumir

Como todo chá, o mate também requer cuidado para que não faça mal ao organismo (Foto: depositphotos)

Conclusão: Chá mate faz mesmo mal?

Tudo vai depender da dose e da situação de saúde da pessoa que o consome. O indicado é que o consumo de chá mate seja de até três xícaras da bebida por dia, o equivalente a 300 ml para pessoas saudáveis.

Porém, existem os grupos de pessoas que não podem consumi-lo por conta da presença dos ácidos fenólicos, cafeína e saponinas, a erva deve ser utilizada com moderação, principalmente pelas mulheres grávidas e lactantes.

Veja também: Qual é o limite do consumo de chá por dia?

Nesses casos, o alto poder estimulante da bebida pode acelerar a produção de hormônios, provocando um parto antes da hora, aborto ou baixo peso do bebê quando nasce.

A cafeína também atrapalha o sono do recém-nascido, pois tudo o que a mãe come é passado para o filho durante a amamentação.

As crianças também não devem consumir esse chá, bem como as pessoas com problemas de coração.

Alguns estudos sinalizam que as pessoas que são alcoólicas, quando consomem o mate podem ficar mais aptas a desenvolverem câncer.

Outros problemas graves como osteoporose também existe a possibilidade de ser acelerada, pois a cafeína provoca a eliminação do cálcio pela urina, o que pode enfraquecer os ossos.

Paciente cuja pressão do olho é alta ou que já sofreu glaucoma não pode beber o chá mate, pois ele aumenta a pressão ocular após 30 minutos da sua ingestão e esse efeito dura até um hora e meia.

Receita de chá mate gelado

Ingredientes:

  • 1 folha de couve sem o talo;
  • 1 maçã com casca;
  • Gelo a gosto;
  • 200 ml de mate;
  • Raspas de gengibre;
  • Adoçante ou açúcar mascavo.

Modo de preparo:

Coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata. Não coe e, se possível, adoce pouco.

Veja mais!