Publicado por Lia Vieira
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Intestino preso causa irritação, estresse, inchaço, mau humor, entre diversos outros sintomas. Outros problemas intestinais como a diarreia e os gases também dão azo a desconforto, desidratação, dores e deixam o dia de qualquer um muito ruim.

Existem, no entanto, além dos medicamentos industrializados, algumas ervas medicinais que ajudam a combater os desconfortos intestinais responsáveis por nos causar tanto mal.

A seleção abaixo é indicada para os casos descritos no tópico e podem ser usadas na fitoterapia (como chamamos o tratamento por meio de ervas medicinais).

Prisão de ventre

As folhas de sene possuem substâncias que aumentam os fluídos intestinais, favorecendo o funcionamento e ajudando a regular sua atividade.

Para o preparo você precisará de 1 colher de café de folhas de sene e 1 xícara de água fervente. Adicione o sene na água já fervente e tampe. Espere esfriar, coe e tome em seguida. Esse remédio natural deve ser consumido durante à noite, apenas uma xícara por dia.

Este medicamento é contraindicado para lactantes e mulheres em período menstrual. Portadores de doenças intestinais inflamatórias também não devem consumir o chá.

Chás para o intestino

Foto: Reprodução

Gases

Para o tratamento de gases que, além do desconforto de estar em locais públicos, ainda traz dores que podem variar em intensidade, você pode fazer um chá de alecrim.

A parte da planta usada é a folha, que ajuda a melhorar o processo de digestão e prevenir o acúmulo de gases. Como um bônus, a planta ainda ajuda a eliminar as gorduras acumuladas no corpo.

Em 1 xícara de chá de água fervente, coloque ½ colher de chá das folhas de alecrim e tampe, deixando descansar abafada entre 5 e 10 minutos. Você pode coar e consumir 1 xícara duas vezes ao dia. Esse medicamento não é indicado para pessoas com gastroenterites, doenças de próstata ou diabetes.

Diarreia

A diarreia muitas vezes nos impossibilita de seguir com a nossa rotina e nossas obrigações diárias, pois, além do desconforto, gera uma necessidade de repouso e de evacuação frequente, o que não é viável em muitos lugares.

Para o seu tratamento a erva recomendada é capim-limão, cujas folhas têm propriedades antiespasmódicas, reduzindo as contrações intestinais e as dores abdominais.

O chá deve ser consumido sempre após as evacuações, na dose de três colheres de sopa enquanto os sintomas continuarem. Para preparar, em 1 litro de água fervente, coloque quatro xícaras de café das folhas já picadas. Tampe e deixe por 10 minutos, coando em seguida.

Veja mais!