Publicado por Débora Silva
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

O cipó cravo, de nome científico Tynnanthus fasciculatus, é uma planta da família das Bignoniaceae, e é também popularmente conhecida como cipó-trindade. Encontrada principalmente nas matas dos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais, esta planta recebe este nome porque exala um aroma de cravo.

Trata-se de uma planta volúvel, de cor castanho-avermelhada e que prefere crescer em solos secos, arejados, sombreados e ricos em matéria orgânica. Os seus princípios ativos incluem alcaloides, taninos, eugenol, óleo essencial, tinantina e ácido tânico.

Cipó cravo - Benefícios e propriedades

Foto: Reprodução

Assim como muitas outras plantas com propriedades medicinais, o cipó cravo é conhecido há séculos na medicina popular, sendo historicamente muito usado pelos caboclos e na perfumaria. Recentemente, foram realizados estudos de suas propriedades farmacológicas: pesquisadores do departamento de Psicobiologia da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) realizaram testes com camundongos e comprovaram o efeito analgésico deste arbusto.

Os princípios amargos presentes na planta aumentam as secreções digestivas e também foi verificado um efeito anti-helmíntico.

Confira a seguir as propriedades, os benefícios e as indicações de uso do chá de cipó cravo:

As propriedades medicinais

  • Analgésico;
  • Afrodisíaco;
  • Digestivo;
  • Estimulante;
  • Antirreumática;
  • Fortificante.

Os benefícios e as indicações de uso

Devido às suas propriedades, o cipó cravo é conhecido e indicado para aliviar azia, diarreia, má digestão, gases, sintomas da gastrite e outros problemas de estômago, atuando como um excelente analgésico. Além disso, esta planta também é famosa por ter efeito afrodisíaco e estimulante tanto em homens como em mulheres.

Como preparar o chá de cipó cravo?

Para usufruir dos benefícios proporcionados pelo cipó cravo, basta preparar o chá da erva, seguindo os seguintes procedimentos:

Adicione duas colheres de cipó cravo a um litro de água e deixe ferver por cerca de 10 minutos. A indicação de consumo é de 2 a 3 xícaras deste chá ao dia. Como afrodisíaco, recomenda-se tomar de 1 a 5 ml e no máximo três vezes ao dia.

Precauções

Não foram encontradas contraindicações e efeitos colaterais para a utilização do cipó cravo, no entanto, deve-se ter sempre atenção com a quantidade ingerida, como qualquer outra planta. Lembre-se que a automedicação pode ser muito perigosa e um especialista deve ser consultado antes do início de qualquer tratamento.

Veja mais!