Publicado por Ana Ligia
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Existem organismos que costumam apresentar algum tipo de reação alérgica ao uso de desodorantes corporais. O mais indicado em situações como essas é começa a aderir a métodos naturais que ajudarão a controlar o odor da transpiração com o uso de óleos, flores e ervas.

Os especialistas em ervas afirmam que as que causam um melhor resultado na anulação do odor do suor são as amor-de-hortelã, cândora, folhas de crisântemo, ligústica, sálvia e óleos de lavanda.

Os chineses usam a sálvia em forma de infusão como um forte ingrediente no controle excessivo da transpiração. Já a ligústica e o amor-de-hortelã são usados como um chá para beber. Mas essas duas também podem ser concentradas na água e passadas pelo corpo na hora do banho.

O óleo de lavanda é um desodorante corporal natural e bastante poderoso. Seu aroma é muito forte para ser usado puro, a não ser que seja usado de uma forma mínima, como apenas uma gota. O mais indicado é transformar o produto em uma lavanda.

Como fazer desodorantes caseiros de ervas, óleo e flores

Foto: Depositphotos

Outra bebida que pode ser ingerida e ajudará no combate aos maus odores tem a cânfora, limão e leite como principais ingredientes. Mergulhe o limão (com casaca) em um copo de leite quente e acrescente três gotas de óleo de cânfora. Tome todas as noites antes de dormir.

Essa receita não fará com que você para de transpirar, mas fará com que o cheiro saia de forma mais agradável. E quanto mais persistir neste tratamento, melhor será o resultado.

Outros alimentos que ajudam no controle da transpiração

Os alimentos ricos em clorofila também podem ser ingeridos ou passados pelo corpo para diminuir o odor da transpiração. Entre eles temos o agrião, salsa, folhas de beterraba, rabanete e nabo.

Veja mais!