Publicado por Katharyne Bezerra
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

A Proteste-Associação Brasileira de Defesa do Consumidor divulgou em 2015 sua mais recente pesquisa sobre hábitos alimentares e os resultados refletem uma forte tendência de escolha de alimentos mais saudáveis nos pratos brasileiros.

De acordo com o órgão, 48% das pessoas entrevistadas diminuíram o consumo de proteína animal e que 98% deste percentual substituíram este nutriente pela proteína vegetal, a exemplo da soja.

Esta alteração implica em uma importante readaptação alimentar das pessoas, o que reflete diretamente nas suas qualidades de vida.

Conheça a alquimia dos alimentos e aplique na sua vida

Foto: Pixabay

De acordo com a química Conceição Trucom, no livro “Alimentação desintoxicante para ativar o sistema imunológico”, o reino vegetal não oferece apenas diversos nutrientes reconhecidos pela ciência, mas também uma série de compostos que podem ser chamados de alquimia.

Alimentação vegetal: Parte física X Parte alquímica

Trucom divide os alimentos de origem vegetal em duas partes, a física e alquímica. Na verdade, estas duas estruturas não competem entre si, pelo contrário, elas se complementam.

Isso porque, enquanto tem-se os nutrientes como carboidratos, proteínas e gorduras na parte física de tais elementos vindo da natureza. Há também as enzimas, sais minerais, vitaminas, fibras e antioxidantes, que juntos conseguem proporcionar a alquimia no organismo.

Ainda segundo a autora, estes elementos estão divididos de forma sistemática. Assim, todo vegetal que é consumido cru e vivo, é composto por 10% de substâncias físicas e 90% de alquímica.

Todavia, para conseguir assimilar todo o potencial nutricional e energético que os alimentos vegetais têm disponíveis é preciso que o indivíduo esteja com o corpo desintoxicado.

Quanto mais vegetais crus e vivos forem consumidos, menos intoxicado o organismo vai está e mais absorção nutricional-energética ocorrerá.

Quais são os alimentos ricos em alquimia e suas propriedades?

Como já dito, todos os alimentos que fazem parte do reino vegetal e que são consumidos em seus estados crus e vivos, são ricos em alquimia. Entre as categorias existentes, podem ser citadas as frutas, folhas, raízes, germinados e legumes.

Vale ressaltar a importância de não expor tais alimentos à um período de maturação e nem de aquecimento, tendo em vista que as suas propriedades podem se perder ou serem anuladas. Já sobre elas entende-se que:

  • Vitaminas: Tem como função a de vitalizar o organismo e otimizar o poder pensante;
  • Antioxidantes: Responsáveis por evitar a oxidação, isto é, a degradação das células;
  • Fibras: Facilita a digestão e assimilação no processo digestivo. Além disso, absorve os excretos do corpo;
  • Enzimas: Necessárias para otimizar o trabalho desenvolvido no sistema digestivo;
  • Sais minerais: Facilitam a comunicação entre as células.

Veja mais!