Publicado por Redação

Quando se está na academia, geralmente, alguns dos objetivos a serem alcançados vem a partir da hipertrofia e da redução do percentual de gordura no corpo. Para isso, além da rotina de exercícios e da readequação alimentar, a inclusão de alimentos chave é outro ponto de fundamental importância. Por acaso você já ouviu falar sobre as propriedades do goji berry?

Antes de tudo, é importante que você saiba que o goji berry é um fruto originário da planta Lycium barbarum. Um dos fatores que o tornaram bastante conhecido entre as pessoas é a quantidade de vitamina C existente – que gira em torno de 2.500 mg para cada 100 gramas. A título de comparação, a laranja, uma das frutas mais conhecidas no que diz respeito a essa vitamina, contém 50 mg em cada 100 gramas.

Além do mais, a fruta também é rica em substâncias como cálcio, ferro, luteína, zeaxantina, betacaroteno e licopeno. De acordo com a nutróloga Tamara Mazaracki, o teor de aminoácidos essenciais é bastante completo. “Ou seja, ele contém proteína de alto valor biológico, com toda a gama de aminoácidos, o que é comum no reino animal e difícil no reino vegetal. Por isso tudo o seu poder antioxidante é o maior no ranking das frutas”.

Goji berry para malhar. Eis a explosão que faltava para os seus músculos

Foto: depositphotos

Propriedades do goji berry

No que diz respeito aos benefícios do goji berry que estão relacionados à saúde, são muito, além dos que já foram citados como mote do texto: hipertrofia e redução do percentual de gordura no corpo. A alta concentração de vitamina C presente na fruta pode interferir no reforço da imunidade, humor, diminuição do estresse, resistência óssea, melhorar a absorção de ferro e evitar gripes e resfriados.

A vitamina C também interfere no envelhecimento da pele, ou seja, ela faz com que esse processo seja retardado. Os carotenoides interferem também na visão, evitando problemas relacionados a ela. De acordo com resultado de estudo realizado pela Universidade de Sidney, o goji berry concede ao olho humano uma camada extra de proteção ultravioleta.

Outra vitamina que se destaca na composição da fruta são as do complexo B (B1, B2 e B6). Elas podem auxiliar no bom funcionamento do sistema nervoso, muscular e cardíaco, participando, inclusive, da metabolização da glicose. No coração, a vitamina B6 reduz a incidência de problemas relacionados a esse órgão.

O goji berry na hipertrofia

Segundo Tamara Mazaracki, o goji é uma excelente fonte de sesquiterpenos, um tipo de óleo essencial que ajuda a estimular a secreção de hormônio do crescimento (HGH) pela glândula pituitária. “Além disso, o goji berry contém L-arginina, L-glutamina e potássio, que também estão envolvidos na produção do HGH. Estes nutrientes agem em sinergia tendo um efeito positivo sobre as principais glândulas endócrinas, como as suprarrenais, timo, tiroide e pituitária”, explica.

O goji berry para emagrecer

O goji berry funciona como um estimulante natural, por isso pode ser usado nas dietas de emagrecimento.

Como o alimento está ligado ao aumento da disposição, consequentemente, você vai ter ainda mais ânimo no que diz respeito a realização de atividades físicas. Isso vai ocasionar no aumento do gasto calórico. Outro ponto positivo no consumo do goji berry é que ele aumenta a saciedade e possui poucas calorias.

Como o alimento também é rico em fibras, além de fazer bem para o trato intestinal, ajuda a eliminar o excesso de gordura ingerida, absorvendo-a e eliminando-a.

Consumo do goji berry

Para que o alimento surta o efeito desejado, antes de incluí-lo na alimentação diária, a sugestão é que o seu nutricionista ou qualquer outro profissional da área alimentícia seja consultado. Dependendo do seu biótipo, o recomendado será uma colher (de sopa) ao dia, que pode ser ingerido junto a sucos, vitaminas, iogurtes ou, até mesmo, ao natural.

Veja mais!