Publicado por Nicoli Tomazella
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Para quem não conhece, a Jurubeba é uma planta medicinal, conhecida como jubebe, jurubeba-verdadeira, jupeba, juribeba, jurupeba. Ela tem um gosto amargo e pode chegar a ter 3 metros de altura, possui folhas lisas e espinhos no tronco. Nela encontramos pequenos frutos amarelos e flores da cor lilás ou brancas.

 Jurubeba - Benefícios e propriedades

Foto: Reprodução

A utilização da jurubeba

Ela pode ser utilizada na culinária e como auxiliar no tratamento de doenças como a anemia e doenças do fígado e digestivas. Pode ser comprada em lojas de produtos naturais e em alguns mercados.

Qual a função da jurubeba?

Ela serve para diversas coisas, como auxiliar no tratamento de várias doenças, como a hepatite, gastrite, úlcera, anemia, acne, anorexia, azia, ressaca, tosse, bronquite, problemas de bexiga, cistite, contusão, febres, diabete, gripe, náuseas e também tumores abdominais e uterinos.

Para quem está em regime a Jurubeba é uma pedida, pois auxilia no emagrecimento.

Propriedades da jurubeba

As propriedades existentes na jurubeba são medicinais, ela é anti-inflamatória, descongestionante, digestiva, diurética, contra febre, protetora do fígado, tônico vascular.

Suas raízes e seus frutos são ricos em propriedades estimulantes, laxantes e tônicas, que é eficaz contra diabetes além de purificar o sangue e também desobstruir o fígado e o baço.

Efeitos colaterais e contraindicações da jurubeba

Os efeitos que a Jurubeba pode causar em uma pessoa poderão ocorrer com o uso prolongado da planta. Ela possui alta concentração de alcaloides e esteroides que podem causar em alguns casos diarreias, aumento das enzimas hepáticas, gastrite, náuseas e vômitos.

Seu uso deve ser evitado durante gestações, amamentação e não se deve utilizar por tempo prolongado, pois pode causar intoxicação.

O modo de uso da planta

Ela pode ser usada em chás, sucos das raízes ou dos frutos, como tintura ou em pó. O chá para uso interno é feito da seguinte forma: 2 colheres de sopa de folhas, frutos ou flores da planta, mais 1 litro de água. É recomendado tomar o chá 3 vezes ao dia, ele deve estar morno e sem açúcar.

Também existe o chá que é realizado para gargarejos e cicatrização de feridas e acne. Para fazer esse chá é necessário colocar uma colher de sopa de folhas cortadas em pedaços bem pequenos em uma xícara de chá de água em fervura. Deixe ferver por 10 minutos e coe. Depois de feito esse procedimento você deverá aplicar no local ou usar morno para gargarejos.

Quando passar por um dia de ressaca o chá de jurubeba pode ser uma saída, tomando uma dose do chá antes de dormir, você acordará bem, e sem as dores de cabeça e sintomas de uma ressaca.

Veja mais!