Publicado por Redação

A gastrite é uma inflamação que ocorre no estômago. Ela tem tudo a ver com a alimentação, por isso é importante saber quais tipos de alimentos podem piorar o problema.

Fique sabendo se a laranja faz mal para gastrite e quais ingredientes podem até aliviar os sintomas.

Laranja para quem tem gastrite: Pode ou faz mal?

Antes de comer laranja, se você tem gastrite é importante saber se fruto faz mal ao problema

Se você sofre de gastrite, é bom saber se frutos como a laranja fazem mal ou não para esse problema (Foto: depositphotos)

A primeira coisa que você precisa saber é que a laranja é uma fruta rica em Vitamina C e muito nutritiva para o nosso organismo.

Ela deve sim, fazer parte do cardápio de todas as pessoas, pois funciona como antioxidante, depurativa, ajuda na absorção de ferro, combate o colesterol e reduz o estresse e a depressão.

Porém, a laranja não é recomendada para pessoas que sofrem com gastrite. As frutas cítricas em geral não são recomendadas, pois elas têm alto teor de acidez e podem agravar a lesão gástrica.

Um dos sintomas imediatos é causar dor. Portanto, outras frutas como limão, maracujá, abacaxi e kiwi também deve ser evitadas.

Saiba mais sobre a gastrite

De acordo com o médico Luciano Pimentel, um estudioso da alimentação saudável, a gastrite é uma inflamação que acontece no estômago e causa uma erosão do revestimento do órgão, chamada de mucosa gástrica.

Uma vez que a mucosa gástrica é lesionada, o ácido clorídrico que é produzido dentro do estômago, começa a causar danos ao órgão, pois ele está desprotegido.

Gastrite aguda

Há dois tipos de gastrite: aguda e crônica. O médico Juliano Pimentel explica: “geralmente a pessoas com gastrite aguda sofrem dores agudas e recorrentes nas áreas abdominais e na parte superior do estômago”.

Outros sintomas são: “desconforto na hora das refeições, inchaço estomacal, queimação e problemas semelhantes, pode seguir de náusea, vômitos, gases, perda de peso ou do apetite, sensação de estufamento estomacal, soluços e arrotos, alterações nos movimentos intestinais e na aparência das fezes”.

Gastrite crônica

Já a gastrite crônica se caracteriza por: “perda de apetite, mau gosto na boca, constipação, aumento do fluxo de saliva, inquietação, dores de cabeça, palidez e fraqueza e, em alguns casos, perda de peso”.

A origem da gastrite vai depender de vários fatores. A aguda geralmente é provocada pela ingestão excessiva de “aspirinas, remédios anti-inflamatórios, drogas, álcool em grande quantidade”.

Além disso, Pimentel afirma em seu site que “os estágios iniciais da infecção pela bactéria helicobacter pylori também pode causar a gastrite aguda, [além da] ingestão de chá em excesso e café podem ser uma das causas e má alimentação e o estresse”.

Já a gastrite crônica é resultado da infecção pela bactéria Helicobacter pylori (H. Pylori), de doenças autoimunes, de cirurgias gástricas e pela doença de Crohn.

De acordo com as informações do especialista, “prevenir é mais simples do que você imagina”.

Por isso, a reeducação alimentar é uma forma que pode evitar a gastrite. Gordura saturada, sódio, açúcar e os alimentos processados em geral, são inimigos da saúde do estômago. Evite-os completamente.

Outras dicas do especialista são: “coma alimentos frescos e naturais, evite alimentos picantes, hidrate-se com água, cigarro, café e frutas cítricas podem acentuar os sintomas”.

Veja também: Hedeoma, planta poderosa para tratar gastrite

Veja alguns alimentos aliados no tratamento da gastrite

Se agora você já sabe quais são os alimentos que fazem mal à gastrite, inclusive a laranja e as frutas cítricas, conheça quais os ingredientes que precisam compor o seu cardápio no dia a dia, tanto para evitar o problema quanto para amenizar as dores.

Frutas sem acidez

Se você não abre mão do sabor da laranja, experimente consumir a laranja lima, ela não é ácida. Banana, maçã, pera, melancia, mamão e outras frutas mais maciais, podem ser ingeridas.

Iogurtes com lactobacilos

Os alimentos com lactobacilos são responsáveis por devolver ao nosso organismo as bactérias boas.

A gastrite pode até eliminar as bactérias benéficas do estômago e a ingestão de iogurtes com lactobacilos podem reverter isso.

Carne branca contra gastrite

O peixe e frango com pouca gordura estão liberados para as pessoas que sofrem com gastrite. As carnes vermelhas devem ser evitadas e as gorduras em geral também.

Suco verde para banir a gastrite

O suco verde é ótimo para a sua saúde.

Independentemente dos problemas que você possa ter, tomar suco verde é sempre uma ótima ação para o organismo. Ele é rico em clorofila, antioxidantes, energizante, magnésio e vitamina C.

Babosa para detonar a gastrite

A Aloe Vera, mais conhecida como babosa, funciona como um poderoso antioxidante. Quem tem gastrite pode se beneficiar disso tomando o suco de babosa.

Os princípios ativos presentes nessa planta são cicatrizantes e atuam diretamente nas lesões do estômago causadas pela gastrite.

Hortelã para acabar com a gastrite

Nessa linha de produtos naturais, a hortelã é ótima para o trato estomacal.

O chá dessa planta pode acalmar a acidez durante a digestão dos alimentos e agredir menos as “paredes” do órgão. Caso, prefira, o chá alecrim também é uma bebida indicada.

Tome uma xícara de um ou outro cerca de 30 minutos antes das principais refeições.

Veja também: Outros remédios caseiros para tratar a gastrite

Veja mais!