Publicado por Natália Petrin
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

O cedro é uma árvore encontrada em grandes altitudes e comum em climas frios. Dela é extraído um óleo rico em benefícios medicinais. O Cedrus libani, usado antigamente, não cresce mais em abundância, devido à utilização da madeira para fabricação de móveis, templos e palácios no Oriente Médio. O óleo de cedro foi um dos primeiros a ser extraído de plantas e era usado no processo de mumificação dos egípcios. A extração do óleo é feita por meio de destilação a vapor.

Óleo de Cedro - Benefícios e propriedades

Foto: Reprodução

Benefícios do cedro

O cedro possui benefícios para a pele, combatendo erupções. Possui ação adstringente e antisséptica, atuando no tratamento de acnes, pele oleosa, cabelos oleosos ou com caspa, além de eczema, dermatite, psoríase e alopecia traumática. É eficaz ainda como repelente de insetos, atingindo uma grande variedade, entre eles mosquitos, traças e larvas de carunchos.

O óleo é ainda eficaz na terapia do câncer, pois inibe a divisão celular das células dos tumores, devido à consistência oleosa, à presença de terebintina e diversos ácidos gordurosos. Seu uso é aplicado também em casos de bronquite, gonorreia, infecções respiratórias e urinárias, tuberculose e tísica.

É adstringente suave e tônico, e pode ser usado para curar dores de dente, além de fortalecer a aderência entre eles e a gengiva. Tonifica e fortalece os músculos e, quando consumido com bastante líquido e soro caseiro, trata a diarreia. É eficaz ainda no tratamento de sintomas da gripe como olhos vermelhos, dores de cabeça, tosse e catarro. Suas propriedades fungicidas fazem com que seja um excelente remédio para tratar infecções causadas por fungos, sejam elas internas ou externas.

Como usar o óleo de cedro?

O óleo pode ser usado em aromatizadores elétricos ou com velas. Para isso, adicione um pouco de água e o óleo na proporção de uma gota para cada três metros cúbicos.

Para fazer compressas, sejam quentes ou frias, adicione de duas a três gotas no pano já umedecido. Para preparar a ducha, pingue no máximo cinco gotas do óleo no canto do box do chuveiro. Respire bem o vapor durante o banho. Use três gostas distribuídas por todo o corpo por meio de auto massagem. Pode ser usada ainda como um enxágue após o banho. Para isso, pingue até cinco gotas do óleo em um recipiente, complete com água do chuveiro e derrame sobre seu corpo.

Para preparar o escalda pés, use a proporção de seis gotas do óleo essencial para cada colher de chá de óleo vegetal ou álcool de cereais. Misture bem e adicione quatro litros de água, quente se for inverno e fria se for verão.

O gargarejo deve ser feito com a mistura de uma colher de mel, três gotas de óleo essencial e um pouco de água em um copo. Misture bem e faça o gargarejo. A mistura não deve ser engolida.

Precauções e contraindicações

Quando usado em alta concentração, o óleo de cedro pode causar irritação na pele. O uso deve ser evitado por gestantes por estimular contrações.

Veja mais!