Publicado por Nayla Georgia
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp
Óleo de cravo - Suas propriedades para unhas e dentes

Foto: Reprodução

Quem sofre com as unhas que não crescem, pois são fracas e logo se quebram pode encontrar uma solução natural para esse problema. É o óleo de cravo, que é muito indicado para essa finalidade e ainda combate as micoses na unha, frieiras e manchas brancas que aparecem. Esse óleo é também muito usado na odontologia como um analgésico que ajuda nas terríveis dores nos dentes, além de ser um excelente antisséptico. Alguns pediatras ainda indicam esse remédio natural para aliviar as dores do nascimento dos dentinhos de leite nos bebês, mas para esse fim é preciso diluir em água e ter cuidado para não queimar a boca da criança.

Receita do remédio para problemas nas unhas

Ingredientes:

– 30 gramas de cravo-da-índia
– 200 ml de óleo de girassol ou oliva

Modo de preparo:

Misture os ingredientes em um recipiente e leve para o banho-maria por uma hora. Deixe que esfrie, coe e guarde em um vidro bem limpo e seco. Esse óleo deve ser usado massageando as unhas.

Algumas propriedades do óleo de cravo

  • Antisséptico
  • Antibiótico
  • Antiviral
  • Antifúngico
  • Antiparasitário
  • Anti-inflamatório
  • Analgésico
  • Etc.

Outros benefícios do óleo de cravo

Não é somente para os problemas nas unhas que o óleo de cravo é eficiente. Quem sofre com dores causadas pela gripe ou resfriado podem investir no chá desse óleo, devido à sua ação analgésica. Esse chá também pode ser adicionado ao de erva-doce para melhores efeitos benéficos à saúde.

Por ser rico em óleos essenciais, o óleo de cravo-da-índia é um ótimo antisséptico e analgésico. Dentistas costumam usar o óleo nas gengivas e dentes para aliviar coceira e dores. Em casos de dor de garganta, vale diluir um pouco (seis gotas) desse óleo em água morna para gargarejar de manhã e à noite. Mau hálito, inchaço gengival e cáries também podem ser tratados assim. No último caso, basta embebedar um algodão no óleo e colocar sobre o dente.

Pessoas que sofrem com a acne podem acreditar que o óleo de cravo tem eficiência no caso. Para tratar, basta aplicar um pouco do óleo sobre o rosto limpo por dez minutos nas manhãs, três vezes na semana. Quanto mais sensível a pele, é ideal que o óleo seja diluído em água ou passado menos vezes por semana.

Contraindicações

Apesar dos benefícios, é importante ter cuidado com o óleo de cravo. As gestantes e lactantes devem evitar o seu uso. Crianças também não precisam recorrer ao óleo de cravo sem que um médico tenha indicado. Lembre-se de que a dose máxima a ser consumida é de, no máximo, 3 miligramas, ou pode acabar sendo tóxico.

Veja mais!