Publicado por Katharyne Bezerra
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Tem gente que deseja emagrecer, mas também há quem deseje engordar uns quilinhos. Algumas pessoas se incomodam por serem muito altas, enquanto outras desejam centímetros a mais. Para reverter esse último caso, existem alimentos que ajudam no crescimento dos ossos e assim conseguem aumentar o tamanho de algumas pessoas. É claro que só uma alimentação adequada não será suficiente para alterar o desenvolvimento do corpo, é necessário, portanto, combinar esse novo hábito a outras atividades saudáveis e estimulantes como a prática de esportes, entre eles pode-se citar: natação, vôlei, basquete etc.

Outro ponto a ser levantado, antes de tudo, é entender o funcionamento de cada corpo. Isso porque, cada organismo tem suas características específicas e não funcionam do mesmo modo que outros. Assim, é preciso compreender os limites e saber como não excedê-los.

Os alimentos que ajudam a crescer

Foto: Reprodução/ internet

Genética e o hormônio GH

Primeiramente, a pessoa que deseja ganhar alguns centímetro a mais na altura precisa saber que existem fatores que contribuem ou não para que isso aconteça. A genética é um desses, e o crescimento vai depender do tamanho de seus pais. Uma fórmula bastante eficaz, que consegue antecipar a eficácia do tratamento, é feita através da altura do pai e da mãe. Observe:

Altura do pai + altura da mãe/ 2 + 13 (quando for menino)

Altura do pai + altura da mãe/ 2 – 13 (quando for menina)

As diferenças no cálculo por causa do sexo tem como explicação o fato de que meninos param de crescer mais tarde, pois entram na puberdade também mais tarde. Já as mulheres, entram na puberdade mais cedo, assim como também param de crescer. O resultado da fórmula não é exato, podendo variar de 10 cm para mais ou para menos.

Um outro fator que muda a altura do corpo é chamado de hormônio do crescimento humano (GH). Esse, por sua vez, é produzido pela glândula pituitária, e atua no desenvolvimento de ossos e músculos, bem como na melhoria do metabolismo e da função cerebral. A boa notícia é que há como estimular a produção desse hormônio e isso se dá através de uma boa alimentação.

Alimentos que ajudam no crescimento

Os alimentos que são ricos em vitamina A e D, cálcio, ferro, ácido fólico e zinco, são os que são capazes de ajudar o crescimento do corpo, fazendo com que alguns centímetros sejam alcançados. Veja a seguir a lista de alguns deles:

  • Vitamina A: Esses alimentos funcionam como libertadores do GH e ainda fortalecem o esqueleto. São exemplos: leite e queijos, goiaba, manteiga, peixes, espinafre, ovo e cenoura;
  • Vitamina D: A deficiência dessa substância causa ausência de crescimento. Além de conseguir doses desse nutriente através do sol, alguns alimentos podem auxiliar na recomposição da vitamina, como: cogumelos, ovo cozido, iogurte, peixes, carnes e  leite;
  • Cálcio: Ajuda na formação e densidades dos ossos. Os alimentos ricos nesse nutrientes são: vegetais verde-escuros, gergelim, leites e derivados;
  • Ferro: Fonte de crescimento, principalmente, para os adolescentes. Alimentos capazes de ofertar ferro; aveia, agrião, carnes, espinafre e  castanha de caju;
  • Ácido fólico: Também é um nutriente importante na fase do crescimento. Pode ser encontrado em: vegetais verdes-escuros, levedo de cerveja, feijões e beterraba;
  • Zinco: Regula o hormônio GH e ainda auxilia no crescimento. Os alimentos ricos em zinco são: castanhas, sementes de abóbora, ostras e outros frutos do mar e carnes vermelhas;

Veja mais!