Publicado por Carol Oliveira
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Originada no continente americano, a erva-de-bicho é uma planta que pertence à família Polygonaceae e tem como nome científico Polygonum acre. Ela pode crescer em várzeas, em pântanos e em locais que existam percursos de água. Podendo ser conhecida também como pimenta d’água, acataia, curage, pimenta do brejo, cataia e capiçoba, essa planta tem entre 50 cm e 1 m de altura, suas folhas tem a coloração verde com listas vermelhas e parecem lanças. É bastante usada como uma planta medicinal.

Erva-de-bicho

Foto: Reprodução

Benefícios:

  • É anti-inflamatória.
  • Pode ser usada como um analgésico.
  • É usada no combate aos vermes.
  • Tem poder adstringente.
  • É capaz de estancar hemorragias.
  • É diurética.
  • Tem o poder de cicatrizar.
  • Estimula quando há má circulação
  • É vaso constritor.

Além do mais, o seu chá pode ser usado no tratamento de hemorroidas – não importa se são internas ou externas –, de varizes, de ulceras e ajuda a amenizar as diarreias.

Chá de erva-de-bicho

O que precisa

– Um litro de água
– A planta da erva-de-bicho

Como fazer?

Ferva a água com duas colheres de sopa da erva-de-bicho e desligue quando ferver. Após isso, abafe por dez minutos e depois é só coar. Tome duas ou três xícaras ao dia.

Cuidados:

Gestantes não devem beber do chá, pois sua composição pode causar aborto. Quem for fazer exames toxicológicos também não deve beber, pois o chá pode alterar o resultado.

Extra

A infusão dessa erva também pode ser utilizada para tratar os problemas de má circulação, reumatismo, infecções de pele e urinária, varizes, dor muscular, coceiras, furúnculos, feridas e queda de cabelo.

Como fazer a infusão tópica?

Em um pano limpo, coloque folhas de erva-de-bicho picadas e coloque em uma peneira que esteja acima de uma panela com água fervendo. As folhas que estão no pano irão absorver o vapor da água e quando estiverem mornas devem ser aplicadas durante dez minutos nas feridas da pele. Fazer isso duas vezes por dia até que a ferida desapareça.

Veja mais!