Publicado por Natália Petrin
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Também conhecida como ambaia-tinga, árvore da preguiça e imbaíba, a embaúba pode ser compreendida como uma designação comum a diversas espécies de árvores. As principais são as do gênero Cecropia, que podem chegar0 aos 15 metros de altura. Árvore favorita do bicho preguiça, a embaúba se adapta facilmente aos diversos tipos de solo, e seus frutos são muito atrativos para as aves. As suas raízes são muito usadas pelas formigas como habitação, de forma a proteger-se dos animais predadores.

Os benefícios e propriedades da embaúba

Foto: Reprodução

Benefícios e propriedades

A embaúba é uma planta medicinal com muitos benefícios para o corpo humano. Entre seus benefícios estão sua ação diurética, hipotensora, expectorante, descongestionante, cicatrizante, combatente do diabetes, antiespasmódico e vermífugo. Suas propriedades envolvem ainda ação analgésica, antisséptica, antiasmática, adstringente, tônica, antitussígena e anti-hemorrágica.

A planta é indicada para o tratamento de pressão alta, bronquite, tosse, feridas na pele, taquicardia, tuberculose, asma e coqueluche.

Como usar?

Facilmente encontrada em casas de produtos naturais, a planta pode ser usada para fins medicinais, sendo preparada na forma de chás, sucos, infusões e pomadas. Na forma de suco, é eficaz no tratamento de tosse e problemas respiratórios. Quando se trata de hemorroidas, o ideal é fazer uso da pomada de embaúba. O chá, de consumo comum, carrega todos os benefícios. O xarope pode ser usado para tratamento da asma, bronquite e coqueluche por meio da decocção dos frutos com água e açúcar.

Como preparar o chá?

Para preparar o chá, use a proporção de duas colheres de sopa da erva para cada litro de água. Adicione a água em um recipiente, em seguida adicione a erva e, então, leve ao fogo. Ao alcançar fervura, deixe cozinhar por mais dez minutos, e então retire do fogo e deixe repousar. Após aproximadamente dez minutos, coe a mistura e consuma. O ideal é consumir de duas a três xícaras ao dia.

Efeitos colaterais e contraindicações

A embaúba não possui efeitos colaterais registrados. No entanto, seu consumo deve ser evitado por gestantes e mulheres em fase de amamentação.

Veja mais!