Publicado por Anderson Pereira

A obesidade é uma condição médica que é caracterizada pelo acúmulo excessivo de gordura no corpo. Esse mal tem se tornado algo cada vez mais comum e seus números são preocupantes. Segundo dados do Ministério da Saúde, em 2006, cerca de 42,7% da população brasileira estava acima do peso. Em 2011, houve um aumento de 5,8% nesse número.

Seu diagnóstico é feito através do calculo do Índice de Massa Corporal (IMC) do indivíduo, onde o peso do individuo é dividido pelo número de sua altura elevada ao quadrado.

Se o resultado for acima de 30 o paciente já é considerado obeso e se for acima de 40, já é um nível gravíssimo, chamado de obesidade mórbida. Calcule seu IMC de maneira simples clicando aqui.

Se você luta contra a obesidade esse chá pode ser seu aliado

Foto: depositphotos

Causas e consequências

A principal causa dessa condição é a desproporção entre a quantidade de calorias, que é o nome dado ao valor energético dos alimentos, que são ingeridas e a quantidade de calorias que o individuo gasta, ou seja, uma dieta rica em calórias, seguida de uma rotina com pouca prática de atividades físicas ou mesmo sedentária.

Fatores genéticos também influenciam nesse ponto, já que há pessoas que possuem metabolismo lento e têm uma maior dificuldade em ter um gasto calórico considerável. Doenças como hipotireoidismo e depressão também são fatores de risco para o surgimento desse mal.

A obesidade é a porta de entrada para várias outras doenças, o que pode ser ainda mais grave se ela vier desde a infância ou a adolescência. Entre os principais males que podem vir acompanhados da obesidade estão:

  • Doenças cardiovasculares (hipertensão arterial, insuficiência cardíaca, arritmia, AVC);
  • Diabetes tipo 2;
  • Apneia do sono;
  • Desgaste nos ossos e articulações (osteoporose, gota, artrite, artrose);
  • Surgimento de alguns tipos de câncer (intestino, vesícula)

Tratamento

A solução mais simples para esse problema é uma dieta equilibrada e de baixas calórias, seguida de uma rotina de exercícios. Há também alguns outros meios, como o uso de medicamentos para inibir fome e queimar gordura, ou cirurgias como a bariátrica, que reduz o tamanho do estômago fazendo com que a pessoa não consiga comer muito.

Mas atenção, a obesidade é um problema gravíssimo e o ideal é que o seu tratamento seja acompanhado por algum profissional, seja um nutricionista ou endocrinologista, a fim de guiar de maneira correta a melhor maneira de lidar com o problema.

Felizmente, também existem meios naturais para facilitar o processo de emagrecimento e um deles é pela ingestão de chás, já que muitos deles tem propriedades desintoxicantes e termogênicas.

O fitoterapeuta e naturopata, André Resende, criou uma receita de um chá que combate a obesidade, ajuda na eliminação de toxinas do corpo, diminuindo a retenção hídrica, e ainda ajuda a prevenir estrias e celulites. Aprenda a fazer essa bebida:

Ingredientes

  • 1 punhado de casca de abacaxi;
  • 1 punhado de hibisco;
  • 1 punhado de canela;
  • 1 punhado de pholha magra;
  • 1 punhado de cavalinha;
  • 1 punhado de centelha asiática;
  • 1 unidade de garcinea;
  • 1 unidade de noni;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo

Coloque a água em uma panela ou bule e leve ao fogo. Pouco tempo após ela começar a ferver, desligue o fogo e coloque o restante dos ingredientes na água. Tampe a panela e deixe lá durante 20 minutos. Após passado o tempo, coe a bebida e coloque em uma garrafa ou jarra apropriada. Tome uma xícara de chá cinco vezes ao dia.

Veja mais!