Publicado por Redação

Para quem procura aliviar os sintomas de sinusite tratamentos caseiros podem ser uma ótima opção. Todos que sofrem com o problema, sabem bem o desconforto que ele traz. Congestão nasal, dificuldades na respiração e dor na região do rosto estão entre os mais comuns sintomas enfrentados por quem sofre com sinusite.

A sinusite é uma inflamação dos seios da face, que são cavidades do rosto onde pode ocorrer o acúmulo de muco. Alguns remédios naturais e alimentos como frutas frescas e castanhas podem ajudar a diminuir essa produção do muco que causa a inflamação.

Por outro lado, laticínios, frituras e alimentos processados, devem ser evitados no cardápio. Esses alimentos contribuem para o aumento do muco e da inflamação que causa os sintomas da sinusite.

Sinusite: Alivie os sintomas usando tratamentos caseiros

Quem sofre com crises constantes sabe que tomar remédios para o problema pode trazer mais mal do que bem. Então, vamos mostrar aqui soluções com remédios naturais, que aliviam a congestão nasal e os outros problemas respiratórios que surgem com a sinusite.

Além do uso e consumo de chás e compressas, o paciente também pode apostar em uma alimentação mais saudável. Para isso, é preciso contar com uma dieta que inclua frutas frescas e alimentos ricos em gordura boa. A seguir, listamos alguns remédios naturais para a sinusite.

Veja também: Métodos naturais para acabar com os desconfortos da sinusite

Suco de espinafre

O suco de espinafre é um bom aliado para aliviar os sintomas da sinusite causada por alergias. O espinafre tem grandes quantidades de anti-inflamatórios naturais. Além disso, se combinado com folhas de hortelã, tem ação descongestionante.

Dois copos, um com folhas de espinafre e outro com o suco do vegetal

Para potencializar os benefícios do espinafre pode fazer o suco com folhas de hortelã (Foto: depositphotos)

É indicado tomar o suco ao menos três vezes ao dia durante as crises, para aliviar os sintomas e eliminar as secreções.

Ingredientes:

  • Meia xícara de espinafre
  • Algumas folhas de hortelã
  • 1 copo com água
  • 1 colher (de sopa) de mel

Modo de preparo:

Lavar as folhas em água corrente, para eliminar impurezas. Depois bater bem todos os ingredientes no liquidificador. É aconselhável não coar o suco, para não perder as fibras. Quem quiser, pode adoçá-lo com um pouco de mel, que também tem ação anti-inflamatória.

Compressa quente

Aplicar compressas quentes no rosto ajuda a diminuir o incômodo causado pela rinite e congestão nasal. Além de aliviar a dor causada pela sinusite, ajuda a diluir o muco, facilitando a saída do corpo.

Mulher deitada com um pano cobrindo o rosto

Compressa quente com toalha pode diminuir a dor causada pela congestão nasal (Foto: depositphotos)

Modo de fazer

O tratamento pode ser feito de duas maneiras. Primeiro, aplicando no rosto uma compressa ou toalha molhada com água morna. Fazer isso por alguns minutos durante o dia.

O segundo método é ferver a água e inalar o vapor que sobe dela por alguns minutos. Esse método requer cuidados para evitar queimaduras. Nesse momento, pode adicionar algumas gotas de óleos essenciais de eucalipto ou orégano na água.

Chá de açafrão com gengibre

A raiz de açafrão, ou cúrcuma, além de uma cor linda, tem propriedades anti-inflamatórias. O gengibre também é um bom remédio natural para aliviar os sintomas da sinusite. O chá é feito com as duas raízes e deve ser consumido ainda quente.

Chá em uma xícara

Para eliminar a sinusite, pode-se usar o chá de açafrão com gengibre (Foto: depositphotos)

Ingredientes

  • 3 centímetros de raiz de açafrão cortada em fatias
  • 3 centímetros de gengibre cortado em fatias
  • 1 xícara de água

Modo de preparo

Para fazer o chá, deve ferver a água, acrescentar o açafrão e o gengibre já descascados e cortados em fatias fina. Logo depois, baixar o fogo e deixar o chá em infusão por 10 minutos. Em seguida, beber ainda quente, respirando os vapores que saem da xícara.

Veja também: Chá para tratar a sinusite

Limpeza com sal

Fazer uma lavagem no nariz ajuda a diminuir a congestão nasal. Combinando a limpeza com sal, que é anti-inflamatório natural, alivia também a inflamação causada pela sinusite. A lavagem pode ser feita até três vezes por dia durante as crises, para eliminar o muco.

Água e sal em cima da mesa

Água e sal são dois ingredientes para eliminar o muco (Foto: depositphotos)

Ingredientes

  • 2 colheres (de chá) de sal
  • 200 ml de água fervida ou filtrada

Modo de aplicação

Deve-se misturar o sal na água até que fique homogêneo e guardar em um recipiente fechado. É ideal fazer a lavagem com um conta-gotas. Para isso, é preciso colocar três gotas em cada narina e deixar escorrer para a garganta.

Sintomas mais comuns da sinusite

A sinusite pode apresentar vários sintomas, os mais comuns são: dor no rosto, próximo à região do nariz, congestão nasal e rinite. Os sintomas podem variar de pessoa para pessoa e do grau de inflamação apresentado.

Outros sintomas que podem aparecer são, mau hálito ou mau cheiro ao espirrar, tosse, principalmente no período da noite e dores fortes de cabeça e no maxilar. Garganta inflamada e dor de ouvido também podem ser consequências da sinusite.

Dependendo do tipo de sinusite, os sintomas podem durar de quatro até 12 semanas. Ou, durante o período que estiver exposto a substância que causa alergia.

Causas do problema

As causas da sinusite podem ter origem nas alergias, traumas, problemas imunológicos ou respiratórios. Identificar qual a causa do problema é essencial para o sucesso do tratamento. Por isso, separamos as principais características de cada causa.

Alergias

Uma causa comum de sinusite é o contato com agentes alergênicos. Por exemplo, algumas pessoas com intolerância à lactose podem apresentar quadros de sinusite alérgica, depois de consumir produtos com leite.

Outros fatores causadores de sinusite alérgica podem ser o contato com poeira, pólen e até mesmo fumaça de cigarro, pelo de animais e mofo. Por isso, é sempre bom ficar atento durante as crises, para evitar contato com esses agentes.

Traumas

Lesões ou ossos quebrados na região do nariz contribuem para que as crises de sinusite apareçam. Se um osso foi quebrado ele pode ter obstruído algum dos canais da região nasal durante a cicatrização. Isso faz com que o muco fique preso no local e cause a inflamação.

Imunidade baixa

Alguns medicamentos e até mesmo enfermidades como cistos, refluxos gástricos e AIDS podem diminuir a imunidade do corpo e atrasar a resposta de defesa dele. Isso aumenta e muito a chance de ocorrer vários problemas respiratórios, entre eles a sinusite.

Para evitar esse problema é sempre bom manter uma alimentação saudável e balanceada. Se necessário, fazer a suplementação de alguns nutrientes para manter o sistema imunológico em dia.

Já quem possui problemas de saúde ou precisa consumir remédios, é aconselhável evitar as situações de risco, como entrar em contato com poeira e consumir laticínios.

Infecções respiratórias

Problemas respiratórios causados por infecções, como gripes e resfriados podem aumentar a produção natural de muco do corpo e entupir os canais que ficam no rosto. Quando isso acontece, cria o ambiente perfeito para a proliferação de fungos e bactérias.

Uma simples rinite alérgica e até mesmo a asma podem contribuir para o aparecimento dos sintomas da sinusite.

Veja também: Aprenda como fazer infusões para sinusite

Mito ou verdade: sinusite causa tontura?

Verdade. Mesmo não sendo um sintoma principal da sinusite, a pessoa pode apresentar tontura e náuseas durante uma crise. Muitas vezes, a tontura pode ser causada pela dor na região.

Mulher com uma mão no rosto e a outra na cabeça

Dor de cabeça, congestão nasal e tontura são sintomas da sinusite (Foto: depositphotos)

A sinusite pode causar tontura também pelo local onde a infecção fica instalada. Como fica próximo aos ouvidos, pode causar algum desequilíbrio no labirinto, que fica dentro do ouvido e é responsável por manter o equilíbrio do corpo.

Como o labirinto também interfere na percepção, a inflamação da sinusite pode causar problemas para estabilizar a visão e com a orientação de espaço.

Qual a diferença entre sinusite crônica e aguda?

A principal diferença entre os tipos de sinusite é a duração dos sintomas. Na aguda, os sintomas duram em média 4 semanas e devem melhorar gradualmente.

Porém, se os problemas respiratórios e demais sintomas se estenderem por mais de 4 meses, o problema pode ter evoluído para sinusite crônica.

Basicamente, a sinusite crônica é a evolução de um problema que não foi devidamente tratado no começo. Os sintomas podem ser mais brandos e a inflamação aparecer em apenas uma das cavidades da face, por bactérias e fungos mais resistentes.

Por ter sintomas mais leves do que a fase aguda, pode ser confundida com uma gripe ou resfriado.

Cuidados com a alimentação

Ao aparecerem os primeiros sintomas da sinusite, tratamentos caseiros podem ser suficientes para tratar o problema. Um bom remédio natural para aliviar os sintomas é evitar a ingestão de leite e derivados, alimentos gordurosos e álcool. 

Bebidas alcoólicas podem causar a desidratação e aumento da dor na região do rosto. Outro bom remédio caseiro para tratar a sinusite é beber bastante água durante o período de crise. A água ajuda a manter o corpo hidratado e facilita a eliminação do muco que foi produzido em excesso.

Veja mais!