Publicado por Michelle Nogueira
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Verrugas são pequenas elevações benignas que ocorrem na pele, causadas por um vírus. Esse vírus é o chamado papilomavírus humano, o HPV. Em geral, essas verrugas podem aparecer sozinhas ou em grupo. As que são encontradas em áreas genitais são muito contagiosas e podem aumentar drasticamente o risco de câncer de colo de útero ou no pênis.

O contágio geralmente se dá por meio de contato direto entre pessoas ou objetos infectados, por pequenos ferimentos, relação sexual ou durante o parto. As verrugas costumam ser assintomáticas, com exceção às verrugas plantares (que doem e sangram) e as anogenitais, que podem coçar.

Tratamentos

As farmácias já dispõem de uma vasta gama de remédios contra esse tipo de elevação cutânea. Entre eles, destacamos os emplastros de ácido salicílico, os lasers, agulhas elétricas ou jatos de nitrogênio líquido. Mas a medicina alternativa também apresenta outras formas de tratar esses incômodos.

Soluções práticas para tratar verrugas

Foto: Reprodução/ internet

Alho

Aplique alho recém-amassado e cubra com uma atadura. O efeito cáustico do alho vai fazer com que a verruga empole e caia em uma semana. Reaplique diariamente, sempre tomando cuidado para não atingir a pele saudável. Uma dica é cobrir os arredores da verruga com vaselina. Se deseja um efeito ainda mais rápido, você ainda pode comer um pouco de alho cru ou tomar três cápsulas desse alimento por dia. Isso vai aumentar a resistência do sistema imunológico contra o vírus.

Fita prateada

Cubra a verruga com um pedaço de fita prateada (a chamada Silver Tape). Segundo estudos, esse material funciona ainda melhor do que o congelamento com nitrogênio líquido. Corte um pedaço suficiente para cobrir toda a verruga, cole-o e deixe lá por seis dias. Quando enfim retirar a fita, mergulhe a área em água por alguns minutos. Então, use uma lixa de unhas descartável ou pedra-pomes para “limar” a pele morta. Deixe a verruga descoberta de um dia para o outro, e então cubra-a de novo. Repita o processo até que a elevação desapareça.

Acredita-se que a leve irritação cutânea que a fita provoca faça com que o sistema imunológico expulse o vírus do organismo.

Vinagre

Aplique uma compressa ou um pedaço de algodão embebidos em vinagre sobre a verruga. Prenda-o com um elástico e deixe de uma a duas horas. Repita o processo até a verruga sumir.

Atenção

Caso esses tratamentos não funcionem, procure ajuda especializada. Verrugas genitais devem ser acompanhadas por um médico, uma vez que são potencialmente graves e contagiosas. Só o profissional saberá o melhor tratamento para diminuir os sintomas e os surtos da doença.

Veja mais!