Publicado por Débora Silva
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

A colite nervosa, também conhecida como síndrome do intestino irritável, é uma inflamação no intestino grosso (cólon). Trata-se de um problema relativamente comum, mais frequente nas mulheres e que pode surgir devido a crises esporádicas ou se transformar em uma doença crônica.

Causas e sintomas

A colite nervosa pode ter diversas causas, tais como as infecções agudas e crônicas, incluindo intoxicação alimentar; síndrome do intestino irritável; radiação passada para o intestino grosso e distúrbios inflamatórios.

Dentre os principais sintomas deste distúrbio, estão a dor abdominal, disfunções no intestino (diarreia e prisão de ventre), menstruações dolorosas e o estado emocional alterado, afetado pelo estresse.

Esta condição também está relacionada com os hábitos alimentares. Por isso, o seu tratamento também pode ser feito com remédios naturais eficazes.

Super receitas para tratar a colite nervosa

Foto: Reprodução/ internet

Receitas caseiras que tratam a colite nervosa

Chá de camomila

O chá de camomila age na mucosa intestinal e ajuda a diminuir a inflamação e o inchaço abdominal. Além disso, esta bebida também regula o intestino, tratando a diarreia e a prisão de ventre.

A camomila também contém propriedades antiespasmódicas e pode aliviar as dores abdominais e espasmos.

Modo de preparo:

Basta colocar algumas flores da erva em um copo com água fervente. Deixe a infusão ocorrer durante 15 minutos e, em seguida, coe e acrescente algumas gotas de limão. Se preferir, o chá pode ser adoçado com uma colher de mel.

Suco de cenoura

Boa fonte de pectina, a cenoura é uma raiz que ajuda a prevenir os sintomas da colite nervosa e pode auxiliar no tratamento da prisão de ventre e da diarreia.

A cenoura deve ser consumida em forma de suco, pois comê-la crua pode causar dores no estômago.

Modo de preparo:

Lave e descasque duas cenouras. Bata tudo no liquidificador com um copo de água até obter uma mistura homogênea.

Aveia

Rica em fibras, a aveia facilita os movimentos intestinais e a evacuação. Além disso, este grão também possui muitas substâncias antioxidantes e minerais como cálcio, ferro, fósforo, magnésio e zinco.

Como consumir:

A aveia pode ser consumida junto com mamão papaia ou acrescentada ao iogurte, batidas, sucos e saladas. Para os dias mais frios, uma boa opção é preparar um mingau com água. Para isto, basta cozinhar uma parte de aveia com duas partes de água durante alguns minutos.

Alimentação saudável

A alimentação é muito importante no tratamento da colite nervosa. Recomenda-se a ingestão de legumes e frutas ricas em fibras, além de muita água, água de coco e suco de frutas frescas. Os alimentos cozidos devem ser preparados com pouco óleo e, além de legumes e frutas, as carnes magras, assadas ou grelhadas, também são indicadas.

Um dos sucos mais indicados para o problema é o suco de maçã feito na hora. Para prepará-lo, basta passar as maçãs pela centrífuga e tomar o suco logo em seguida, várias vezes ao dia.

Veja mais!