Publicado por Katharyne Bezerra
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

De origem na Grécia, o rubus idaeus, o famoso framboeseiro, se espalhou por todo o mundo. A planta possui um arbusto brilhante, que em seu segundo ano de cultivo, floresce e frutifica. O tamanho do arbusto fica, em média, de 40 a 60 centímetros. É uma planta comum em lugares com temperaturas baixas, por essa razão seus maiores exportadores se encontram na Europa, apesar disso, pode ser cultivada também em regiões de clima quente. Seus caules são retos, levemente esbranquiçados e ainda possuem espinhos em toda a sua extensão. Seu fruto, entre outros benefícios, possui ação eficaz contra inflamações.

O fruto

Assim como as folhas do framboeseiro, os frutos também possuem propriedades benéficas para o ser humano. São encontradas em quantidades equilibradas as seguintes substâncias: vitamina A, C e as do complexo de B, cálcio, fósforo, ferro e proteínas. Além disso, possui poucas calorias e gorduras, sendo, portanto, um alimento muito saudável.

Outra característica da framboesa é a cor, que pode ser branca, preta, amarela, laranja, vermelha, sendo essa última a mais conhecida. São arrendondadas e carnudas, dentro do fruto é oco e suas sementes são encontradas em cada pequenas drupas que o compõem.

Tratando inflamações à base do framboeseiro

Foto: Pixabay

A framboesa pode ser ingerida crua, congelada ou em outros formatos, como em doces, bebidas e geleias. Ela pode surgir em diferentes épocas do ano, em algumas regiões acontece no período do verão, em outras pode ser frutificadas no outono. No Brasil, o fruto aparece de outubro a janeiro.

Propriedades do framboeseiro

Além das substâncias já citadas, o framboeseiro possui na composição um elemento chamado de folato, ele por sua vez, atua no controle do sistema nervoso. Também abriga os flavonoides, que protegem o coração contra ataques. Já o poder antioxidante presente no alto teor de vitamina C na planta é responsável pelo tratamento de vários tipos de cancro, além de intensificar as funções imunológicas.

Entre os nutrientes que estão presentes na planta, podem ser encontrados a vitamina E, servindo para a absorção de ferro e as vitaminas de complexo de B, B1 (tiamina) e B5 (niacina), favorecendo o metabolismo da energia e paralelamente ajudam no crescimento.

São ótimos remédios naturais para pessoas que sofrem com problemas de inflamação bucal ou na epiderme. Tanto as frutas como as folhas do framboeseiro são utilizadas no tratamento e prevenção de doenças, como na produção de alimentos que também carregam seus benefícios.

Cuidados importantes

Tudo em excesso pode trazer algum mal a saúde, e com a framboesa não é diferente. Se ingeridas em grandes quantidades, o fruto pode agravar pedras nos rins e na bexiga. Outra contraindicação é que pessoas alérgicas à aspirina não tomem, uma vez que pode desencadear reações desfavoráveis à saúde delas.

Veja mais!