Publicado por Natália Petrin
  • Compartilhe no Google+
  • Compartilhe no Whatsapp

Comum em mulheres sexualmente ativas, a cistite pode afetar em menor número também os homens e mulheres não sexualmente ativos. A infecção ou inflamação da bexiga possui diversas causas como vírus e fungos, reação a medicamentos, higiene genital, uso de sondas uretrais, uso de diafragma, espermicidas, roupas apertadas e calcinhas sintéticas, alergias, imunidade baixa, entre outros.

Sintomas

A cistite tem como principais sintomas dor ou queimação na região púbica e lombar, ardência e necessidade mais frequente de urinar, além da urgência. A urina torna-se turva, podendo inclusive ter sinais de sangue.

Prevenção e tratamento

Trate a cistite com remédios caseiros

Foto: Reprodução

Alguns métodos bastante simples podem ser usados para o tratamento dessa doença e de seus sintomas. Confira abaixo:

  • Banho de assento: em uma bacia, encha de água e coloque duas colheres de sopa de vinagre. Use para lavar a região genital.
  • Bicarbonato: o bicarbonato ajuda a alterar o ph da urina, deixando-a desfavorável à proliferação das bactérias. Dissolva uma colher de café de bicarbonato de sódio em 300 ml e consuma tudo de uma vez entre seis e sete vezes ao dia.
  • Cavalinha: em uma xícara de chá, coloque 20 g de cavalinha e reserve. Ferva água e adicione, deixando descansar até amornar. Em seguida, coe e consuma até três xícaras de chá entre as principais refeições.
  • Alfazema: em uma xícara de chá, coloque uma colher de chá das flores de alfazema e em seguida coloque água fervente por cima. Abafe a mistura deixando descansar até amornar. Coe e consuma até três vezes ao dia.
  • Sândalo: o sândalo é usado para fazer um banho de assento, pois possui propriedades antimicrobianas que tornam mais difícil a proliferação das bactérias. Para preparar, coloque em uma bacia em que você consiga sentar 1 litro de água e 10 gotas de óleo essencial de sândalo. Misture bem e fique sentado nela por 20 minutos. Repita o procedimento diariamente até notar a melhora.
  • Suco misto de limão e pepino: bata um pepino fresco no liquidificador com uma colher de sopa de suco de limão ou de lima. Adoce com uma colher de sopa de mel puro. O pepino é um diurético natural ajudando na eliminação das bactérias enquanto os outros ingredientes são agentes antibacterianos que vão tratar a causa.

Mas atenção: se os sintomas durarem mais de 72 horas mesmo com os tratamentos caseiros, ou ainda se houver sangue na urina ou caso não consiga urinar, procure imediatamente um médico.

Veja mais!